Desprezando a humanidade

Publicado: 14/10/2009 em Texto
Humanidade: É difícil compreender o desprezo dela por ela.

Humanidade: É difícil compreender o desprezo dela por ela.

  O ser humano é o único animal racional, ou seja, o único que consegue superar seus instintos pela razão, essa é uma conquista que toda humanidade pode se exaltar.

  A capacidade humana de realizar diversas tarefas, as múltiplas inteligências e a complexidade do corpo humano é impressionante, a tudo isso devemos a nossa gradual estrada evolutiva que nos proporcionou tal perfeição, porém, essa grande conquista natural não é o suficiente para muitos. Pelo medo da morte e buscando uma forma de obter poder, homens e mulheres dotados do dom da oratória convenceram diversas pessoas que o nosso potencial é um empréstimo divino e que devemos pagar com gratidão eterna e tempo por esse “ganho” (é claro, que o dinheirinho é indispensável para demonstrar gratidão).

  A ideologia cristã ensina aos seus fiéis que nossas vitórias não são conseqüências de nossos esforços, mas sim da intervenção divina, para isso colocam constantemente expressões de agradecimento a deuses. O uso do “graças a Deus” é a maior expressão cristã de desvalorização humana, o indivíduo é rebaixado a objeto e como ferramenta secundária de determinada conquista. Apesar dessa expressão parecer inofensiva, essa é uma ofensa ao nosso potencial natural. Os cristãos além de se submeterem a fantasias divinas nessas expressões eles detonam com a auto-estima das demais pessoas e de si mesmas.

  O ser humano necessita abrir os olhos e enxergar o universo que o seu esforço individual proporciona. Deve-se acima de tudo amar a humanidade como um conjunto de diferentes potencialidades humanas e o mérito de qualquer vitória é do indivíduo ou do grupo que trabalhou para conquistá-la.

  Nada acontece por intervenções de um plano superior ou por conseqüência de um destino predestinado, as conquistas são méritos de um bom trabalho, e saber que a nossa potencialidade é um presente natural ao invés de um empréstimo é uma alegria indescritível que todos podem e devem usufruir.

Anúncios
comentários
  1. Renan Sparrow disse:

    Eu sou Ateu.
    Mas acredito que mesmo assim, qualquer religião tem um papel fundamental na sociedade. Ela deixa as pessoas nos eixos.
    Claro há muita merda solta, mas um grupo (grande por sinal) já foi “salvo” por essas religiões, é uma forma de policia desarmada e “mágica”, se você fizer o mal, irá arder no marmore do inferno!
    Muitos acreditam nisso e não fazem merdas. Acredito que é só para isso que serve. Porém eu sou contra a alucinação que grande parte dos religiosos tem.

    Adorei seu texto! Visite meu Blog, também segue o estilo do seu. Talvez goste.

  2. Esther disse:

    Olá! respeito sua posição de crer apenas no materialismo e racionalismo ou nao crer, nao sei, mas acho que o mundo estaria bem pior se tantas pessoas ainda nos dias de hoje nao tivessem uma fé em algo maior
    xeru

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s